Gestão de vendas em empresas de TI: conheça 5 boas práticas

A gestão de vendas é um processo essencial à saúde de qualquer empresa, independentemente do porte ou do segmento em que atua. Os procedimentos de acompanhamento e controle, quando executados com consistência e efetividade, asseguram uma boa margem de lucro e favorecem o negócio.

Se você ainda tem dúvidas a respeito da melhor forma de gerir a área comercial, não deixe de ler este conteúdo até o final. No post, você encontrará dicas valiosas para desenvolver as melhores práticas associadas à gestão de vendas de excelência.

Então, continue conosco e verifique como validar essas ideias na sua empresa de tecnologia. Preparado? Vamos lá!

1. Mapeie processos e defina metas

Para que as atividades gerenciais tenham êxito, realmente promovendo a alavancagem dos negócios, é essencial que o administrador conheça em profundidade o fluxo de processos que caracteriza sua operação.

Somente ao entender, com objetividade e clareza, de que forma a sequência de atividades está sendo desenvolvida, é possível encontrar gargalos operacionais e ajustar eventuais incoerências.

Uma vez revistos e atualizados, os processos devem ser os meios utilizados para a consecução das metas estabelecidas. Por isso, é fundamental que o gestor defina os objetivos mercadológicos da organização, engajando o time comercial na missão de torná-los realidade.

2. Padronize operações e rotinas

Para evitar retrabalho, combater a execução contraproducente e maximizar os resultados operacionais, é crucial que haja padronização dos processos comerciais. Estabelecer parâmetros e modelos, delineando um fluxo permanente para cada ação planejada, auxilia na manutenção de uma equipe afinada e integrada.

Ao estabelecer a cadência ideal de tarefas e repassá-la à equipe de vendas, o gestor ganha a segurança de contar com uma rotina eficiente e produtiva, minimizando a incidência de erros, otimizando recursos e endossando a busca por resultados mais expressivos e lucrativos.

3. Invista em treinamento e capacitação

Em um mercado dinâmico e volátil, as mudanças são constantes e não podem ser ignoradas. Principalmente na área comercial, que lida diretamente com as instáveis preferências de consumo, é importante que os colaboradores sejam constantemente atualizados e desenvolvidos.

Ao gestor, cabe a missão de promover e de incentivar os programas de treinamento e capacitação. Ao investir no conhecimento da equipe, a probabilidade de alcançar resultados mais consistentes e satisfatórios aumenta de forma exponencial.

4. Acompanhe indicadores de resultado

Os indicadores de resultado são recursos indispensáveis à boa gestão. A tarefa de definir as métricas-chave e a missão de controlá-las com acuracidade e consistência são importantes para permitir uma visão ampla, transparente e clara do negócio — e conferir ao gestor a confiança para tomar decisões cada vez mais estratégicas.

No que compete à gestão de vendas, por exemplo, é interessante que o gestor avalie, periódica e atentamente, os indicadores referente ao ticket médio, ao faturamento por período e o número de oportunidades convertidas, por exemplo.

Uma vez compiladas, as métricas podem identificar problemas e, com isso, o gestor ganha agilidade ante a urgência de corrigi-los.

5. Conte com a tecnologia na gestão de vendas

Como gestor de uma empresa de tecnologia, provavelmente você já conhece o poder de investir em automatização e simplificação. Por isso, não deixe de aplicar os conceitos na sua equipe comercial.

Para maximizar o desempenho do time e favorecer a excelente gestão de vendas, adicione recursos tecnológicos que confiram mais agilidade às rotinas estabelecidas e permitam que os recursos (humanos, físicos, materiais e de tempo) sejam realmente otimizados.

E você? Já teve alguma experiência com reestruturação de processos em sua gestão de vendas ou deseja liderar o movimento no seu negócio? Deixe seu comentário no post!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *